Skip to content

Espírito do tempo?

27/06/2011

Já ouviu dizer que todas as pessoas e todas as coisas estão conectadas no universo? Alguns eventos me fazem realmente acreditar nisso, especialmente quando encontro pessoas que se expressam exatamente ou de forma muito parecida com a minha, falando praticamente as mesmas coisas que já disse!

A jornalista Laura Artigas, fez exatamente o que gosto de fazer sempre que começam as semanas de moda. Analisar os desfiles e encontrar a tão desejada brasilidade nos produtos de moda nacional.

 Mas como nesse ultimo mês minha vida andou bastante tumultuada (emprego novo, casa nova para decorar, viagem na segunda semana de trabalho…) não tive tempo de acompanhar os desfiles como sempre faço, assistindo um a um, descobrindo as inspirações e ficando por dentro do que os estilistas brasileiros andam desfilando por ai…

Fiquei contente de encontrar alguém que investiu seu tempo fazendo essa análise e divulgando. O blog Moda pra ler, é realmente interessante e indicado para quem ta cansado das futilidades e superficialidades que encontramos por aí…

Como não sou um parasita virtual, que vive de post dos outros, mas sou a favor da divulgação de boa informação, vou apenas indicar os links e vocês acompanhem por lá o que a Laura escreveu.

#SPFW brasilidades 01: Tufi Duek e os índios

 
 
 
 
 
 
Meus favoritos?
 
Tufi Duek, Maria Bonita e o lindo do Ronaldo Fraga.
 
 
Eu sou praticamente obrigada e publicar alguns trechos do primeiro texto que a Laura Artigas escreveu, por diversos motivos, mas principalmente por ir de encontro a minha monografia, já tanto falada nesse blog!
 
Reflitam:
 
“Foi para fora e olhou para dentro. Com o Brasil na crista da onda mundial, sinto que é um processo que anda acontecendo cada vez mais.”
Sobre Eduardo Pombal, que foi para Premier Vision em Paris, escolheu sua matéria prima e pensou em falar de Brasil.
 
“(…)para construir a tão desejada moda autoral brasileira, precisamos querer, conhecer e reconhecer o Brasil.
Pára nesse trecho! Quem já leu o blog e me acompanhou durante a monografia, sabe o quanto repeti isso, inúmeras e inúmeras vezes.
 
 Estilistas, recém formados ou não, considerem seu país como riquíssima fonte de inspiração, tenham orgulho e invistam em pesquisas para desenvolver novo materiais, novas formas, criem, olhem para dentro e criem para o mundo!
 
Mais uma vez meu querido Darcy Ribeiro:
 
“O mais importante é inventar o Brasil que nós queremos.”
Anúncios
One Comment leave one →
  1. 30/06/2011 6:34 pm

    Você sintetizou tudo que penso a respeito dessa coisa coletiva que são os nossos gostos e referências pessoais, não conhecia o blog da Laura e adorei!.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: